Notícias:
latest

É COISA VIU! MULHER DESOCUPA AVIÁRIO PARA FILHA, GENRO E QUATRO FILHOS MORAR





Milhares de familiares foram beneficiados com algum tipo de programa habitacional, mas certamente outras milhares também ficaram frustradas por não receberem moradia. Uma delas é a dona de casa Maria Luzinete da Fazenda Corte Grande, distante apenas 3 km do centro do Distrito Salgadália no Município de Conceição do Coité.
Luzinete tem 39 anos, é casada com o lavrador Jeferson e tem 4 filhos, só que há mais de um ano vivem de forma sub-humana, num aviário ao lado da casa da mãe dela a senhora Maria José de Jesus, Dona Maria José disse que vinha criando os pintos no local, porém sua filha que morava de aluguel em Salgadalia e por causa da seca os motores de sisal pararam e tanto ela quanto o esposo não conseguiram ganhar dinheiro suficiente para pagar o aluguel e ela disse que viria morar comigo.


 “Eu disse: minha filha tu vem pra cá e onde vou te botar? Ela disse que vinha mesmo que fosse pra morar no galinheiro. Ai eu disse, então venha que a gente se ajeita, ai dividir deixando ela numa parte e os pintos em outra, mas depois vi que não estava bom pra ela morar ao lado dos pintos e resolvi parar a criação e deixei o galinheiro só pra ela, comprei lona pra colocar ao redor porque não podia dar uma casa pra ela”, contou a agricultora.



Dona Maria relatou que na medida que suspendeu a criação de pinto deixou de ter a renda e por consequência também deixou de cultivar a horta e agora trabalha apenas no motor de sisal, “mas estou satisfeita em ver minha filha debaixo de quatro telha e quando ela for pra casa dela eu volto a criar de novo”, disse.

Texto e fotos: Calila Noticias.
« Voltar
Próximo »

Nenhum comentário