Notícias:
latest

RUI COSTA DEFENDE RETOMADA DO ATENDIMENTO NAS POLICLINICAS

Em live, gestor informou que reabertura esta sendo dialogada com prefeitos; Candeias terá mais ações no combate à Covid-19

Foto: Elói Correa/GOVBA

O governador Rui Costa defendeu nesta terça-feira (12) a reabertura de policlínicas para atendimento em saúde de áreas diversas. Em live no Youtube e no Instagram, que também teve a participação do secretário de Saúde Fábio Vilas-Boas, os gestores informaram que a unidade de Barreiras começou o atendimento nesta terça-feira (12).
“As policlínicas dependem do Estado e das Prefeituras. Por isso conversei com todos os presidentes de consórcios que administram essas unidades sinalizando meu posicionamento”, disse Rui. No programa também foram abordados o avanço do novo coronavírus em Candeias, a área educacional e contou ainda com um desabafo do governador contra as fake news.
Voltarão a atender policlínicas situadas em cidades sem casos novos de Covid-19 nos últimos 14 dias. Segundo a Secretaria Estadual da Saúde (Sesab), na próxima segunda-feira (18), as unidades de Irecê, Valença, Senhor do Bonfim e Teixeira de Freitas serão reabertas. A Sesab também estipulou a testagem das equipes como critério para a reabertura dos serviços e atendimentos das policlínicas.
Candeias
O governador afirmou que vai procurar o prefeito de Candeias, Dr. Pitágoras, para avaliar o avanço rápido do novo coronavírus naquela cidade nos últimos 12 dias. O prefeito foi um dos casos confirmados. “Assim que acabar a live, vou ligar para o prefeito Pitágoras para combinarmos ações.”
Ainda na live, Rui Costa e Fábio Vilas-Boas informaram que a Bahia tem nível de isolamento social de 50% e 139 cidades com casos registrados nos últimos 14 dias (vírus ativo). Sobre Itabuna e Ipiaú, que  a partir desta terça-feira adotam toque de recolher a partir das 20hs, o governador vai fazer o monitoramento dos efeitos da medida até sexta-feira (15). Caso não haja mudança, as restrições podem ser iniciadas mais cedo, às 19hs, 17hs ou menos.
Enem
Indagado, Rui se posicionou favoravelmente ao adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio, marcado para novembro tanto na versão impressa como na prova digital. “Por bom senso e respeito ao fato de não ter aulas no Brasil inteiro, o Enem deveria ser adiado”, afirmou. “Não tem como ter um Enem para a escola pública e outro para a escola privada”.
O gestor também indicou que as aulas na rede estadual não vão retornar no curto prazo e o ano letivo deve avançar pelo ano de 2021. Rui Costa ressaltou que poucos estudantes da rede estadual têm acesso a internet. Além disso, as 139 cidades com vírus ativos impedem uma volta as aulas parcialmente. “Apesar de ser apenas um quarto dos municípios baianos, é um número muito expressivo”, ponderou.
Durante o programa pelas redes sociais, Rui fez um forte desabafo contra notícias falsas que circulam durante a pandemia, abordando diretamente uma entrevista dada pelo presidente da Câmara Brasil-China, Charles Andrew Tang, de que a Bahia teria comprado respiradores de uma empresa que não existe. O próprio Tang, em carta ao secretário Vilas-Boas, negou ter conhecimento de que a Bahia teria comprado respiradores de um fornecedor inexistente como empresa.
Para Rui Costa, o problema é que mesmo com o momento enfrentado pela humanidade e planeta, tem “um monte de gente que só pensa em fazer política” , classificando o fato como “futrica” e “intriga”. “O patrimonio que eu queiro deixar para os meus filhos é eles terem orgulho. É a minha honra, a minha imagem, o meu nome.” Rui reafirmou ter confiança no enfrentamento à pandemia. “Nossa nação é forte, juntos vamos vencer as adversidades.”
Fonte:Bahia.ba
« Voltar
Próximo »

Nenhum comentário