Com o avanço da pandemia do novo coronavírus, o uso da máscara de proteção de tornou item obrigatório para quem precisar sair às ruas, ou estar em ambientes com outras pessoas. O acessório é recomendado por todos os órgãos de saúde, para evitar o contágio da doença.
No entanto, o mau uso dele pode transmitir outros vírus e bactérias, além do novo coronavírus. Conforme o blog Vivabem, do Uol, dividir a máscara sem a devida higienização pode acarretar na transmissão de vírus como o da herpes labial, fungos e bactérias, e todos os vírus da gripe, como H1N1, rinovírus, etc.
A infectologista da Beneficiência Portuguera de São Paulo, Lina Paola, explicou ao blog que isso acontece porque a boca e o nariz são regiões com carga bacteriana e viral muito alta. Ela, no entanto, tambéme esclareceu que o item pode ser partilhado, contanto que seja feita a higienização correta, como lavar com água e sabão, e deixar por, pelo menos, 20 a 30 minutos de molho em uma solução com água pura e água sanitária. Passar o ferro quente no tecido também é aconselhável.

FONTE:ARATUON