Notícias:
latest

EX-RODOVIÁRIO FURTA ÔNIBUS, INVADE GARAGEM E DESTRÓI VEÍCULOS EM SALVADOR; VEJA VÍDEO


Uma pessoa roubou um ônibus da empresa OT Trans, que faz parte do Consórcio Integra de transporte público em Salvador, no início da tarde desta segunda-feira (24). De acordo com a assessoria da Integra, duas garagens da empresa Plataforma foram invadidas e ônibus que estavam estacionados no local foram atingidos.

A polícia foi acionada e interviu e o suspeito acabou preso, informou a Integra. 

Vídeos do ocorrido circulam pelas redes sociais e mostram a invasão às duas garagens. Em um deles é possível ver o ônibus verde sendo usado para bater em outros veículos amarelos estacionados, ao tempo em que pessoas no local pedem para parar e para chamar a polícia.

Em um dos vídeos alguns rodoviários aparecem informando à polícia que o motorista que causou todo o transtorno é um ex-rodoviário. Mas a informação não foi confirmada pela Integra. 

Fábio Primo, presidente em exercício do Sindicato dos Motoristas, explicou ao BN que um ônibus estava rodando na localidade do Jardim Cajazeiras quando um passageiro entrou no veículo e sacou um facão. "Ele deu a ordem de sequestro no ônibus e ordenou que passageiros e motorista descessem. Ele pegou o ônibus e foi para a garagem da Plataforma em Pirajá. Depois de tudo, ele tentou fazer isso na outra garagem da plataforma, na Suburbana, mas foi detido”, disse. 

“O que nos parece é que ele tem problemas de saúde de ordem mental. Ele trabalhou há 6 anos como rodoviário de manutenção de Simões Filho”, afirmou Primo. 

O sindicato aproveitou para reforçar o pedido às empresas de mais segurança para os rodoviários. "A gente na rua cobra essa segurança do governo do estado e da SSP, mas a segurança de dentro da garagem tem que ser patrimonial. Se a empresa tivesse equipe de segurança capacitada já teria detido ele na primeira garagem que ele adentrou. A gente cobra e pede isso. Poderia ser um assalto e uma pessoa poderia ter perdido a vida”, argumentou Fábio Primo.


« Voltar
Próximo »

Nenhum comentário