Notícias:
latest

POLÍCIA CIVIL APURA ESQUEMA DE PIRÂMIDE FINANCEIRA EM FEIRA DE SANTANA; UMA DAS VÍTIMAS CHEGOU A INVESTIR R$ 200 MIL


“Ele sempre oferece uma proposta de negócio sobre algo que existe, mas sobre o qual 
as pessoas têm pouco conhecimento. Então, como não é a minha área de atuação, o que aconteceu? Eu acabei me sentindo seduzido por aquilo, porque ele mexe com a sua ganância, com a sua vontade de ganhar dinheiro", contou.
Uma das vítimas preferiu não revelar a identidade — Foto: Reprodução / TV Bahia
Uma das vítimas preferiu não revelar a identidade — Foto: Reprodução / TV Bahia
Outro morador de Feira de Santana, que também preferiu não se identificar, disse que entrou na pirâmide através da indicação de uma pessoa da família e chegou a investir mais de R$ 200 mil. Ele conta que no início até conseguiu retirar uma parte da quantia, cerca de 60%, só que depois não conseguiu mais.
"Às vezes acumulava dois meses, três meses e assim foi até eles fecharem. Quando eles acharam que tinha bastante dinheiro dos clientes, eles fecharam e fugiram do país. Foram para Portugal”, contou.
Segundo a polícia, investigações nesse tipo de caso acabam levando mais tempo. Conforme o delegado André Ribeiro, a orientação é ter atenção em qualquer tipo de investimento.
"O estelionato é um tipo de crime que a investigação é mais longa, porque a gente tem que representar por quebra de sigilo bancário, interceptação telefônica e todos esses pedidos são feitos para o poder judiciário".
"Tudo demanda um pouco de tempo para podermos chegar aos suspeitos do crime", concluiu.



FONTE:G1/TVBAHIA
« Voltar
Próximo »

Nenhum comentário