Um casal foi preso na segunda-feira (21/12) suspeito de matar o próprio filho, um bebê de cinco meses, por espancamento, na cidade de Érico Cardoso, a 600 km de Salvador. Segundo a Polícia Militar (PM), eles levaram a criança até o hospital, mas ela já estava sem vida.

O próprio médico da unidade de saúde, ao ver os ferimentos no bebê e perceber que eram compatíveis com lesões físicas, chamou a polícia. Blogs locais afirmam que os pais,  Adailton Pina Silva e Jaqueline Oliveira, cometeram o crime porquê o filho chorava muito.

Os agentes da 46ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) conduziram os pais do bebê à delegacia da cidade, onde ficaram detidos. O corpo da criança foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Brumado

Fonte:Aratuon