Notícias:
latest

CRUELDADE! GRÁVIDA BALEADA PELO NAMORADO PERDE O BEBÊ E É INTERNADA NA UTI

 

Ivana Alves Oliveira, de 39 anos, estava grávida de quatro meses quando foi baleada na barriga pelo namorado enquanto tentava defender a sogra. Com os ferimentos, ela perdeu o bebê e precisou ser internada na UTI. O caso aconteceu no bairro de Itapuã, na manhã de quarta-feira (2/3).

A vítima foi alvejada após impedir o assassinato de Eliene Valente, que era ameaçada de morte pelo próprio filho, Rafael Lopes Pepe, de 34 anos.

De acordo com Alef Alves Caetano, filho mais velho de Ivana, sua mãe está internada na UTI do Hospital Geral Roberto Santos, no Cabula. “O estado dela é estável. Ela passou pela cirurgia de emergência, foi afetado seu pulmão, tiveram que retirar um pouco do intestino e ela está agora totalmente suturada”, conta o rapaz de 23 anos.

Ele contou que os médicos aguardam o corpo de Ivana reagir e que nenhum ponto se abra, nem que ocorra uma hemorragia interna, para dar prosseguimento aos tratamentos.

Contudo, devido à gravidade dos ferimentos, o bebê que Ivana carregava não resistiu e acabou falecendo. “Provavelmente devido a todo o sangue que ela perdeu”, diz Alef.

Ivana chegou ao hospital em estado crítico, então, os médicos precisaram estabilizar a situação da mãe em um primeiro momento. O ultrassom foi realizado apenas na manhã desta quinta-feira (3/3), quando foi constatado o óbito do bebê.

Crime

Grávida de quatro meses, Ivana foi baleada pelo namorado, Rafael Lopes Pepe, na Rua Calasans Neto, na manhã dessa quarta-feira (2), segundo informações da Polícia Civil.

Após ser baleada, a vítima foi socorrida por populares ao Hospital Roberto Santos, no Cabula. Segundo informações da Polícia Militar, o homem também tentou matar a própria mãe e fugiu do local do crime em seguida 

A empresária Eliene Valente, mãe de Rafael, conta que a situação começou durante uma briga com o filho. Ela lhe deu um tapa, após ter sido esmurrada, e correu para se trancar no banheiro, temendo pela sua vida. “Ele gritava: ‘Vou arrombar essa porta e cravar uma bala em você nesse banheiro'”, contou Eliene.

Ela estava em frente à Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Brotas, que apura o caso, inclusive a tentativa de homicídio do filho, que acabou preso pela PM horas depois.

De acordo com a polícia, foram apreendidos com o autor uma pistola calibre 9 mm, 44 munições intactas e três carregadores.

 

Fonte: Correio 24horas

« Voltar
Próximo »

Nenhum comentário