Notícias:
latest

Destaque

Destaque

Slider Right

Cidades

PM DE CORAÇÃO DE MARIA E POLICIA CIVIL DE TEODORO SAMPAIO APREENDEM COCAINA AVALIADA EM 200 MIL REAIS




O tráfico acontecia a partir de uma escolinha de futebol para crianças e adolescentes

Na data de 13/10/2021, por volta das 16h30min, a PM de Coração de Maria em parceria com a Polícia Civil de Teodoro Sampaio (Dr Idelfonso Monteiro) tomaram conhecimento de que haveria uma entrega de tabletes de cocaína em uma residência nobre no  bairro Capuchinhos, droga que seria distribuída nas cidades de Coração de Maria, Teodoro Sampaio e Amélia Rodrigues.

A comercialização da droga acontecia a partir de uma escola de futebol para crianças e adolescentes da qual o traficante é professor e também seria entregue para revenda em escolas municipais das cidades supracitadas.  O traficante foi atleta profissional e por atuar como professor de escolas de futebol tinha facilidade para se aproximar de jovens e estudantes. 

De posse desse informe, os policiais deslocaram até a localidade e avistaram o carro do suspeito no bairro do Capuchinhos. Foi solicitado apoio da Cipe Litoral Norte , oportunidade em que foi efetuada a abordagem ao veículo Punto de cor preta, sendo encontrados:

☑️ 04 (Quatro) tabletes de uma substância análoga a cocaína; totalizando 4 (quatro) kg;

☑️ 02 aparelhos celulares. 

Foi solicitado apoio da Rondesp Leste no intuito de averiguar a informação de existir mais drogas em posse do professor da escola de futebol, efetuadas diligências complementares foi localizado: 

☑️ 02 (Dois) tabletes de uma substância análoga a cocaína; totalizando 2 (dois) kg;

☑️ 1 (Hum) tablete de uma substância análoga a maconha de 1(Hum) quilo e 500(quinhentas) gramas em sacos plásticos.

Foram presos o Motorista responsável pela entrega, bem como o professor da escolinha de futebol, proprietário do entorpecente.



Os suspeitos foram conduzidos para Central de Flagrantes do Sobradinho em Feira de Santana, onde foi lavrada o APFD; sendo o veículo apresentado na DRFRV no Jomafa. 

 Na semana passada, essa mesma equipe apreendeu dois quilos de cocaína, *totalizando 8 quilos, prejuízo de 200.000 (duzentas mil reais) para o crime organizado (Facção BDM com atuação em Coração de Maria, Teodoro Sampaio e Lustosa).*


*FONTE:* PM DE CORAÇÃO DE MARIA

E PODE ISSO! VEÍCULO OFICIAL DE CÂMARA É USADO PARA FREQUENTAR MOTEL, DIZ VEREADOR

 

O vereador Edmilson da Silva Coutinho (PSB), o Tubaína, utilizou a tribuna livre da Câmara Municipal de Caculé, a 100 km de Brumado-Bahia para fazer grave denúncia na última semana. De acordo com o parlamentar, o carro oficial da Câmara de Vereadores teria sido utilizado para frequentar um motel na cidade. Na denúncia, Tubaína não apresentou qual veículo teria sido utilizado, tampouco qual parlamentar cometeu o ato.

A equipe de reportagem entrou em contato com Edmilson na última sexta-feira (08), mas ele não quis gravar entrevista.

 Em nota divulgada, o presidente da Câmara de Caculé, Jeovane Carlos Teixeira Costa (PSB), manifestou repulsa e indignação pelas infundadas e reiteradas alegações de Coutinho, que, segundo ele, tem denegrido a imagem do Poder Legislativo Municipal.

Segundo Costa, o veículo oficial é de uso comum a qualquer vereador que o solicite mediante requerimento à presidência da Casa Legislativa, indicando a finalidade do seu uso, devendo sempre ser em prol de trabalhos legislativos, tais como fiscalização, participação em cursos de capacitação, participação em congressos, visitas ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), dentre outros inerentes aos trabalhos para os quais os vereadores foram eleitos. Jeovane ainda disse que os carros não possuem rastreador. “Cabe a cada vereador, quando do uso do veículo oficial, usá-lo seguindo as normas e protocolos, bem como usando de sua consciência sobre o que é certo ou errado”, escreveu.

Teixeira disse que não tem como confirmar se o veículo oficial da Câmara tenha sido usado para a finalidade diversa alegada por Tubaína, uma vez que o mesmo sequer apresentou dia, horário, nome do vereador que estivesse usando ou qualquer prova cabal e inequívoca para tomada das providências. “Ou o citado vereador mentiu ou omitiu informações que seriam de sua obrigação relatar para os demais edis”, disse.

 

Fonte: Conectado News/Achei Sudoeste