Notícias:
latest

ENFERMEIRA É AGREDIDA DURANTE CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA COVID – 19 EM SALVADOR


Uma servidora da Secretaria Municipal de Saúde foi agredida enquanto trabalhava no mutirão de vacinação contra a Covid-19,no sábado (11),  na Unidade Básica de Saúde (UBS) Manoel Vitorino, no bairro de Brotas, em Salvador.

A  vítima conta que levou tapas e beliscões das mulheres, que acompanhavam uma criança na vacinação. A confusão começou após uma outra funcionária perceber que o cartão de vacinação da criança estava com irregularidades.

Segundo informações, o cartão de imunização da criança estava incompleto. Em um cartão constava (vacinação com imunizante) Coronavac e havia um outro grampeado que constava (imunização com vacina da) Pfizer sem a validade da vacina, o local e a assinatura pessoa que aplicou o imunizante. No sistema, não havia registro de nenhuma dose.A vacinação infantil contra a Covid-19 conta com apenas duas doses, que devem ser do mesmo imunizante. 

Em nota, a polícia informou que uma ocorrência foi registrada na Central de Flagrantes e que o caso será enviado para o Juizado Especial Criminal. Já a Secretaria Municipal de Saúde em nota, lembra que desacato a funcionário público no exercício da função ou em razão dela é crime previsto no Código Penal, com detenção de seis meses a dois anos, ou multa.


Com informações G1 Bahia


 

« Voltar
Próximo »

Nenhum comentário